Eu entendi, claro que entendi. Para meu próprio bem, só estou agora fingindo ser portador de Síndrome de Asperger.

30

Cada um faz seu jogo. Ela articula com metáforas. Eu entendo tudo literalmente. Deus nos ajude porque isso vai longe. Ela dá de ombros, meio que depois-não-diga-que-não-dei-chance e vai embora. Eu meio que me arrependo, mas não vou atrás. Se eu quiser encrenca, escolho um parrudo na rua e pergunto se ele curte o Freddie Mercury mais do que deveria. Não se pode dar muito crédito a essas pequenas, ou então elas já querem encilhar você. Gabito Nunes em “Juliete Nunca Mais”

beijos, julie.

#gabito-nunes, #juliete-nunca-mais, #livro